Biblioteca Conheça a Biblioteca

Conheça a Biblioteca

Biblioteca Cyro dos Anjos

A história da Biblioteca do Tribunal de Contas do Distrito Federal — denominada Cyro dos Anjos, em homenagem ao primeiro presidente desta Corte de Contas, escritor talentoso e ex-membro da Academia Brasileira de Letras — tem início nos primeiros anos de criação do Tribunal. A origem de seu acervo deu-se a partir do núcleo da biblioteca particular do mencionado ex-conselheiro Cyro dos Anjos (1906-1994) e de doações de colaboradores e de outras instituições. O primeiro registro de livro data de 1964.

Fachada atual da biblioteca.
Fachada atual da biblioteca.

Nos anos iniciais, a Biblioteca contou com doações de livros da NOVACAP e de alguns ilustres usuários do Tribunal, que, com o seu desprendimento e itens de suas coleções pessoais, bem contribuíram para a primitiva formação do acervo.

A Biblioteca foi transferida de local várias vezes, acompanhando as sucessivas mudanças de localização do TCDF. De 1960 a 1966, localizava-se no Edifício do MEC. De 1967 a 1968, no Edifício IAPI, e, em seguida, até 1971, no Edifício Brasília. Em 1972, recebeu suas instalações definitivas na Esplanada do Buriti, ao lado da sede do Governo do Distrito Federal — Palácio do Buriti —, no Edifício Palácio Costa e Silva. De 1972 a 1982, ocupou metade do espaço do 8º andar, e, depois, o 2º andar do edifício-sede, hoje denominado anexo.

Instalações antigas

Em dezembro de 1982, é transferida para o subsolo do anexo do Tribunal, espaço planejado para hospedar seu acervo que, então, contava com aproximadamente 10.000 volumes. De 2004 a 2007, por motivo de reforma no edifício-anexo, transfere parte do seu acervo para o saguão de entrada do edifício-sede, aguardando as suas novas instalações, que viriam a ser marco decisivo na gestão do conhecimento do TCDF.

Em outubro de 2008, inauguraram-se as novas instalações da Biblioteca Cyro dos Anjos, juntamente com o Conjunto Cultural do TCDF, no prédio recém-construído entre os edifícios sede e anexo, com novos espaços em estilos atuais e arrojados.  A Biblioteca Cyro dos Anjos foi, assim, contemplada com novas salas, mobiliadas em estilo mais moderno, o que tornou o complexo mais confortável e visualmente atraente para funcionários e público externo.  Dispondo de dois andares, as instalações oferecem uma nova organização do acervo e serviços como balcão de empréstimos, saguão de exposição, atendimento ao usuário para pesquisas, coleções de livros e periódicos, sanitários, salas de serviços administrativos e técnicos, ala de estudos com computadores, sala de multimídia e sala de reunião.

Ressalte-se que, durante todos esses anos, a administração da Biblioteca e a equipe bibliotecária procuraram manter seus conhecimentos e serviços atualizados e informatizados conforme o desenvolvimento dos instrumentos tecnológicos e das técnicas da Biblioteconomia.

Como unidade gestora de conhecimento, a Biblioteca tem como competência a organização, o tratamento e a disseminação da informação, a execução de pesquisas, a criação, sistematização e aplicação de métodos para a melhoria do desempenho, visando à transferência de conhecimento, à normatização de publicações produzidas e editadas pelo TCDF e à manutenção da padronização, contribuindo no estabelecimento de critérios para apresentação de textos.

Desde os anos 1980, após certo período de negociação, a Biblioteca Cyro dos Anjos consolida a sua participação como cooperante, juntamente com mais 11 bibliotecas da esfera federal e do Distrito Federal, na Rede Virtual de Bibliotecas (Rede RVBI), gerenciada pela Biblioteca do Senado Federal, visando à informatização de seus produtos e serviços, bem como a possibilidade de acesso a mais de 1.200.000 itens por meio da Rede.

Em 2005, é lançada a home page da Biblioteca, disponibilizando para consulta na Internet o seu acervo de livros, periódicos, artigos em destaque, publicações do TCDF e outras fontes de consulta, possibilitando, também, aos usuários, solicitações de pesquisas por intermédio de e-mails em formulário disponível na página.

Por tratar-se de um Tribunal de Contas, o acervo da Biblioteca Cyro dos Anjos recebe natural ênfase nas áreas de Direito, Administração, Ciências Contábeis e Economia, cabendo atenção especial aos tópicos de Administração Pública, Controle Externo e Direitos Administrativo e Tributário.  Sua coleção é formada por aproximadamente 35.000 itens, incluindo itens de multimídia, e cerca de 100 títulos de periódicos, dos quais faz parte a coleção completa do Diário Oficial do Distrito Federal.  A Biblioteca mantém todas as publicações editadas pelo TCDF desde sua fundação, além de importante material geral referente à Brasília e ao Distrito Federal.

Serviço de autoatendimento
Os serviços oferecidos incluem empréstimo de livros e periódicos (circulação) aos servidores, intercâmbio entre bibliotecas, pesquisa de doutrina, jurisprudência e legislação, disponibilização de pesquisa virtual ao acervo pela home page e pela Rede RVBI.

A Biblioteca Cyro dos Anjos é aberta ao público externo e oferece um ambiente de estudo agradável e silencioso para estudo particular e/ou consulta do acervo, fornecendo acesso livre à Internet via wireless ou por PCs com Windows.

Atualmente, a Biblioteca Cyro dos Anjos encontra-se sob a Coordenadoria de Biblioteca, Gestão do Conhecimento e Informação — COBGI, que, por sua vez, subordina-se à Escola de Contas do TCDF.  Em seu papel de unidade gestora de conhecimento, a Biblioteca Cyro dos Anjos tem por finalidade manter acessível a seus usuários o conjunto de conhecimentos e informações registrado nas obras que compõem seu acervo, bem como fornecer-lhes meios e técnicas de pesquisa, reunião e descrição de documentos de qualquer natureza, destinados a seu aperfeiçoamento funcional e cultural.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO
Segunda a sexta-feira
das 8h às 18h30